(49)99836-9013

NO AR

TVSUL

redetvsul.com

Regionais

Com investimento de R$ 543,4 milhões, Paraná tem oito novos contornos em construção

Obras acontecem em todas as regiões do Estado. Investimentos são viabilizados com recursos do Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID), Tesouro Estadual ou por meio de acordos judiciais com concessionária de pedágio.

Publicada em 18/03/22 às 14:38h - 61 visualizações

por Governo do Estado PR


Compartilhe
 

Link da Notícia:

 (Foto: Foto: José Fernando Ogura/AEN)

É só cair na estrada para perceber que o Paraná está em obras por todos os lados, de Norte a Sul, Leste a Oeste. Atualmente, o Estado tem oito novos contornos rodoviários em construção, totalizando um investimento de cerca de R$ 543,4 milhões, viabilizado com recursos do Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID), Tesouro Estadual, ou por meio de acordos judiciais com concessionária de pedágio. As obras devem ser entregues entre este ano e 2023.

Estão em execução os contornos Norte de Castro; Sul de Wenceslau Braz; Oeste de Marechal Cândido Rondon; de Jandaia do Sul; de Peabiru; de Arapongas; de Palotina; e Noroeste de Francisco Beltrão. Além disso, há uma duplicação de contorno em andamento, em Cascavel, com investimento adicional de R$ 67 milhões, recursos viabilizados pela Itaipu Binacional.

“Graças a um planejamento que fizemos na alocação de recursos e na elaboração de projetos, o Paraná inteiro está em obras”, afirmou o governador Carlos Massa Ratinho Junior. "E esse contornos são importantes para levar desenvolvimento e empresas para essas cidades, além de destravar gargalos urbanos históricos. Um contorno é uma implantação, é rodovia nova, com asfalto de qualidade e durabilidade".

Segundo ele, o número elevado de obras em rodovias do Estado se dá em razão de um compromisso da gestão em resolver gargalos logísticos que perduravam há muito tempo, além de garantir mais segurança para os condutores que trafegam nas rodovias paranaenses. “Com a conclusão dessas obras, vamos melhorar a trafegabilidade e escoamento da rica produção paranaense, além de trazer mais segurança aos motoristas”, disse. "Nosso compromisso é com entregar aquilo que estava travado e já colocamos em andamento novidades, como o Contorno de Castro".

O secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, afirma que o Paraná conta hoje com um dos maiores projetos de infraestrutura do País. “Temos um volume expressivo de obras em rodovias importantes, temos projetos históricos que eram aguardados há décadas e que atendem todas as regiões do Paraná”, disse. “Estamos com o cronograma em dia e, em alguns casos, antecipando a entrega para que a população possa usufruir o quanto antes”.

"Além da nova concessão, que será a maior do País, com 3,3 mil quilômetros, estamos investindo em contornos com recursos próprios e ajudamos a viabilizar a inclusão de alguns em acordos de leniência", arrematou.

CASTRO – Com início da construção em fevereiro de 2021, o Contorno Norte de Castro fará a ligação entre as rodovias PR-151 e PR-090, com a implantação da pavimentação de 15,62 quilômetros de rodovia Classe I, e duas obras de arte especiais, sendo uma ponte sobre o Rio Iapó com 320m de extensão e um viaduto de 27m na interseção com a PR-151. Haverá também duas interseções em nível, uma com a estrada municipal que liga a Castrolanda, e outra com a PR-090.

O investimento na obra foi de R$ 78,9 milhões e, até o momento, a execução está com cerca de 17% de seu andamento concluído.

Ainda em fase inicial, estão em andamento as etapas de terraplenagem e drenagem, e a construção da Ponte sobre o Rio Iapó, com implantação de suas fundações, e a confecção das vigas pré-moldadas e pré-lajes. As próximas etapas são a pavimentação com sub-base e base nos segmentos já terraplanados; dar início na interseção com a PR-151, além de dar sequência nos dispositivos de drenagem ao longo da obra.

Este corredor rodoviário será implantado com o objetivo de ligar os dois distritos industriais do município, acelerando o desenvolvimento da região, já que vai contribuir para o escoamento das safras; além de desviar do perímetro urbano do município de Castro o tráfego pesado de longa distância que se mistura ao tráfego local, o que há muito tempo causa lentidão e riscos para a população.

O Estado também realiza no local a obra do acesso ao Contorno de Castro, que está em reta final.

WENCESLAU BRAZ – O Contorno Sul de Wenceslau Braz, no Norte Pioneiro, terá 3 quilômetros de extensão e fará a ligação entre as rodovias PR-092 e PR-422. O novo trecho facilitará o acesso aos municípios de Santana de Itararé e São José da Boa Vista. O custo para a implantação foi de R$ 9,7 milhões e a obra teve início em março de 2021.

O contorno terá um viaduto de 30 metros sobre a Rede Ferroviária, que já está em fase final de conclusão, e uma interseção em nível com a PR-422. Atualmente, a obra tem 45,61% das etapas concluídas.

No momento, a fase em execução é a de pavimentação com a implantação de sub-base e base nos trechos já terraplanados. As próximas etapas são a execução da cortina de contenção do aterro das cabeceiras do viaduto, execução de sub-base e base na interseção com a PR-422, e colocação de capa asfáltica nos 1700 metros iniciais da obra.

Obras no trecho urbano da BR-277 em Guarapuava já atingiram 40% de conclusão
A construção do contorno é uma reivindicação antiga da população local, já que possibilitará um desvio do tráfego pesado de caminhões do perímetro urbano do município de Wenceslau Braz, trazendo mais segurança para a população e praticidade e agilidade para os usuários da rodovia.

Na obra, também foi prevista a preservação do Casarão Maluf, patrimônio histórico local. Será feito o monitoramento arqueológico do espaço, que será cercado dentro dos padrões exigidos pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

MARECHAL CÂNDIDO RONDON – O Contorno Oeste de Marechal Cândido Rondon terá extensão de 6 quilômetros, ligando a PRC-467 e a BR-163, com duas trincheiras nos entroncamentos com estas rodovias. O orçamento para a obra é de R$ 20,8 milhões.

Atualmente, a obra tem 6,6% das etapas concluídas e está na fase de terraplenagem e limpeza do terreno em uma área próxima à interseção com a PR-467. Ao final desta etapa, serão iniciados os serviços de pavimentação e outros.


A implantação da nova rodovia trará uma série de benefícios à região, já que será uma alternativa de tráfego ao fluxo pesado que vem do Mato Grosso do Sul para Foz do Iguaçu, desviando o tráfego do perímetro urbano. Além disso, a obra acarretará em melhorias para o escoamento da produção rural, trazendo agilidade e economia no transporte de produtos agropecuários produzidos na região.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Anuncie conosco

Visitas: 408978
Usuários Online: 23
Copyright (c) 2022 - TVSUL - comercial@redetvsul.com