(49)99836-9013

NO AR

TVSUL

redetvsul.com

Regionais

Pato Branco volta a liderar a geração de emprego via Agência do Trabalhador

Publicada em 06/06/22 às 09:09h - 50 visualizações

por Diário do Sudoeste


Compartilhe
 

Link da Notícia:

 (Foto: Diário do Sudoeste )

Em maio deste ano, Pato Branco voltou a liderar o ranking estadual Sistema Nacional de Emprego (Sine), mapeado pela Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf). O município não ocupava esta posição desde o primeiro trimestre de 2020, ou seja, antes da declaração de pandemia de covid-19.

No último mês, somente por intermédio da Agência do Trabalhador foram inseridos 413 profissionais no mercado de trabalho. Juntas, as 216 agências instaladas no Paraná intermediaram a contratação de 9.993 pessoas no mesmo período.

“O resultado é fruto dos investimentos feitos pela gestão municipal no apoio à qualificação e aperfeiçoamento da população economicamente ativa” salienta o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcos Colla.

Diretor da Agência do Trabalhador de Pato Branco, Fabrício Preis de Melo comenta que de janeiro a maio de 2022, foram 1.269 intermediações eficazes.

Conforme Preis de Melo, “as vagas não se limitam as chamadas vaga de chão de fábrica. Temos oportunidades para escritórios, administradores, gestores de RH, ao mesmo tempo que temos uma quantidade diversa de currículos.”

Também de acordo com o diretor da Agência, atualmente a unidade tem um formato que além de auxiliar a colocação no mercado de trabalho, busca capacitar e abrir novas oportunidades.

Resultados

Preis de Melo pontua que ao longo de 2021, a Agência de Pato Branco postulou entre as dez com melhor desempenho no estado, tendo uma melhora considerável neste ano figurando entre as cinco, o que levou em fevereiro ocupar a segunda colocação.

Contudo, o diretor atribui a liderança do ranking ao atual momento de desenvolvimento da cidade, que impulsionou uma série de contratações segundo Preis de Melo, que ainda aponta algumas mudanças de gestões em empresas, a inauguração do shopping e a volta da contratação massiva das duas maiores indústrias locais, como preponderantes para o desempenho.

Com relação a remunerações, conforme o diretor, a maioria das contratações realizadas via Agência do Trabalhador tiveram variações salariais entre R$ 1,5 mil a R$ 2,5 mil. “O que estamos observando é uma mudança de perfil, dando alguns benefícios aos trabalhadores que variam de auxílio faculdade, convênios. Os empregadores estão fazendo um movimento de mudança por entenderem que o mercado de trabalho está muito sazonal. Então hoje o empresário vem prezando pelo seu colaborador.”

Ao mesmo tempo, ele desta que a unidade também segue mantendo a oferta de cursos gratuitos, além de desenvolver Qualifica Pato Branco, que possibilita a população a realizar seu currículo de forma clara, ter noções de entrevista de emprego.

Caged

Mesmo os números sendo otimistas e positivos, não é refletem o total de contratações realizadas em Pato Branco no período, uma vez que nem todas passam pela Agência do Trabalhador.

Este panorama amplo somente poderá ser conhecido ai final de junho, quando o Governo Federal deve divulgar os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Vale destacar que por problemas no processamento de dados, o Ministério do Trabalho e Previdência, responsável pela compilação dos dados do Caged, não divulgou ainda os índices de abril, que deveriam ter sido apresentados na segunda-feira (30) inicialmente, e posteriormente na terça-feira (31).





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Anuncie conosco

Visitas: 440759
Usu�rios Online: 15
Copyright (c) 2022 - TVSUL - comercial@redetvsul.com